Um Programa Popular Para Blumenau

Um programa popular para Blumenau

pop

Neste momento de eleições municipais é hora de se discutir as questões que afetam nosso dia a dia em Blumenau, identificando as causas de fundo dos problemas que afligem não só nossa cidade, mas também a grande maioria das cidades do país.

Você já se perguntou por que a vida piora? Por que há tanto desemprego e a inflação cresce mais do que nossos salários? Disseram que a solução era trocar de governo. Agora falam que há uma crise, que é preciso arrochar nossos salários, cortar direitos. Falam que não podemos pensar em crise, que precisamos trabalhar mais e receber menos! Mas por que nós, trabalhadores, temos de pagar por ela?

Isso acontece porque vivemos no capitalismo, onde os grandes empresários se apropriam da riqueza produzida pela grande maioria, o povo trabalhador. A acumulação de riquezas nas mãos dessa minoria, combinada com a pobreza do povo, que se endivida cada vez mais pra consumir aquilo que ele próprio produziu, gera crises como a de hoje. O capitalismo não existe sem tais crises. E quem “paga” com desemprego, inflação e mais exploração é sempre o trabalhador. Pois na “democracia” capitalista só se elege quem tem muito dinheiro. Quanto mais dinheiro se tem, mais representado será. Assim, os empresários sempre colocam no poder os seus capachos, os políticos corruptos, que servem aos interesses dos poderosos, não aos nossos. Blumenau não foge dessa regra. Basta ver as principais candidaturas, Napoleão (PSDB) e Jean Kuhlmann (PSD). Ambos são empresários, e por isso defendem as mesmas propostas. Ganhe quem ganhar, quem governa é o mesmo interesse, o dos patrões que nos exploram. Por isso, nossos problemas não se resolvem pelo voto.

Sabendo disso, o PCB lança uma campanha política, não eleitoral, para debater propostas que atendam aos interesses de nós, trabalhadores. Temos clareza de que, não importa quem vença a eleição, a voz do povo somente será ouvida se este se organizar nos bairros, nos locais de trabalho, de estudo e de vivência, pela superação da exploração capitalista e de sua falsa democracia, rumo ao Poder Popular.

 

Programa político do PCB para Blumenau

 SAÚDE

→ Foco na prevenção e promoção da saúde, com ampliação da atenção básica, visando diminuir a necessidade de medicação, principalmente medicação química, investindo em plantas medicinais e terapias alternativas. Fortalecer as equipes de saúde na família, capacitando e fortalecendo o trabalho das/os agentes comunitárias/os, ampliando e instrumentalizando as visitas domiciliares, melhorando as redes de informação e identificando as fragilidades no atendimento, permitindo assim gerar planos mais efetivos de promoção de saúde.

→ Dinheiro público para saúde pública! Contra o financiamento direto e indireto aos planos e estabelecimentos privados de saúde! Em defesa dos princípios do SUS: saúde pública, universal, equânime e gratuita.

→ Defesa da saúde no seu conceito mais amplo, não ficando restrito ao atendimento médico-hospitalar, mas entendendo a saúde como acesso à moradia digna, boas condições de trabalho, educação, lazer, cultura, segurança, transporte, ambiente saudável, saneamento e alimentação de qualidade.

EDUCAÇÃO

→ Criar Escolas Modelo com educação em período integral, onde as crianças possam desenvolver todo seu potencial através de atividades culturais (artes, música, literatura) e esportivas, uma educação que dê perspectivas à juventude e forme seres humanos completos, não mão de obra pro mercado.

→ Resistir aos diversos projetos de lei federal e locais que pretendem censurar o livre debate nas escolas, cinicamente chamados de “escola sem partido”.

→ Garantir creche pública e de qualidade para todos, obrigando as associações patronais a custear integralmente a creche das trabalhadoras.

→ Oferecer cursos de educação continuada para profissionais de educação;

→ Promover a relação da escola com a sociedade, discutindo a cidade dentro da escola e trazendo a escola para o dia a dia da população;

→ Eleições diretas nas escolas municipais.

SEGURANÇA

→ O problema da segurança pública não se resolve com repressão pura e simples. Somente se resolve com a solução das principais questões sociais, proporcionando ocupação e perspectivas para a juventude, oferta de empregos não precarizados para a classe trabalhadora, ampliação dos espaços de convivência e de sociabilidade, enfim, condições de vida humanizadas para a totalidade da população.

TRANSPORTE

→ Transferir às empresas, escolas particulares e universidades a obrigação de subsidiar integralmente a passagem do trabalhador e do estudante.

→ Elaborar e pôr em prática um plano de médio prazo com vistas à estatização e à implantação da Tarifa Zero no transporte coletivo de Blumenau, usando as indenizações milionárias que o Siga deve à prefeitura para iniciar a aquisição de uma frota municipal.

SANEAMENTO

→ Quando assumiu o esgoto de Blumenau, a Odebrecht Ambiental prometeu investir milhões. Hoje quebrada, a empresa está sendo vendida para um grupo canadense, aumentou a tarifa em mais de 30% nos últimos dois anos e ainda deixou uma dívida de quase R$ 200 milhões pra Prefeitura! Isto é o que acontece quando o saneamento é privatizado, tratado como uma mercadoria. Defendemos o imediato cancelamento da concessão do esgoto, incorporando o serviço ao SAMAE, sem terceirização.

REFORMA URBANA

→ Investir pesado nas periferias para ampliar os serviços prestados e melhorar o espaço urbano em geral, estimulando a vida em comunidade e a qualidade de vida nos bairros, além de desinchar o centro da cidade. Expropriar imóveis ociosos e/ou abandonados para programas habitacionais. Estimular formas alternativas de transporte.

ORÇAMENTO

→ Ampliar a arrecadação do município aumentando o IPTU nos bairros da população mais rica e cancelando isenções fiscais para grandes empresas. Os ricos é que têm de pagar a conta!

PARTICIPAÇÃO

→ Instituir a participação do povo através do Orçamento Popular Participativo, através de assembleias de bairro e câmaras temáticas permanentes (educação, saúde, transporte, etc.) com poderes reais e não apenas consultivos. Prover meios que permitam a participação do povo, como liberação temporária do emprego, custeio, capacitação, etc.

EMPREGO E RENDA

→ Estimular a ocupação pelos trabalhadores de empresas falidas e criar condições para uma gestão livre de exploração, como forma de combater o desemprego.

→ Criar feiras “direto do campo”, restaurantes populares e uma companhia municipal de abastecimento para combater os efeitos da inflação.

MUTIRÕES

→ Estabelecer mutirões de trabalho voluntário para recuperação de escolas, conservação do espaço público, construção de moradias populares, etc.

COMBATE AO TRABALHO INFANTIL

→ Santa Catarina é recordista nacional de acidentes de trabalho envolvendo crianças. É preciso mudar esta realidade, oferecendo às famílias de baixa renda políticas de permanência da criança na escola.

ARTE/CULTURA

→ Promover cursos gratuitos de música, teatro, dança e artes nos bairros e promover apresentações artísticas e mostras culturais gratuitas para a população.

→ Realizar o PRÓ-FAMÍLIA de forma itinerante nos bairros populares.

PRECONCEITO/XENOFOBIA

→ Combater o preconceito e a xenofobia, seja contra haitianos, nordestinos ou qualquer outro grupo. Somos todos seres humanos!

11214052_643934159041324_6835298544806458493_n

Fale conosco!

pcbvaledoitajai@gmail.com

Anúncios
Nota | Esse post foi publicado em eleições 2016, Uncategorized, Vale do Itajaí e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s