Enchentes em Santa Catarina: crônica de uma tragédia anunciada

Após intensas chuvas nesta última semana, principalmente na região da Grande Florianópolis e no litoral do Estado, ocorreram diversos desastres que afetaram duramente a vida dos trabalhadores catarinenses. Alagamentos, enchentes e deslizamentos de terra já afetaram até o momento mais de 3 mil pessoas, chegando a mais de mil desalojadas somente na capital, de acordo com informações da Defesa Civil. Continuar lendo

Anúncios
Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Solidariedade aos/as trabalhadores/as do Hospital Regional de Araranguá

Os/as trabalhadores/as do Hospital Regional de Araranguá (HRA) encontram-se em greve há mais de um mês. A motivação inicial do movimento paredista era a reivindicação dos salários atrasados, relativos ao mês de novembro. Que não foram repassados pela então administradora do HRA, a Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), uma organização social (OS) que administrou o hospital durante quatro anos, e que teve seu contrato rompido com o governo do estado. Após essa medida, um contrato emergencial foi estabelecido com o Instituto Ideas, outra OS, que vai gerir o HRA por seis meses. Contudo, nesse processo de transição a nova administradora anunciou que vai demitir pelo menos 25% do quadro atual dos/as trabalhadores/as que atuam no hospital. Continuar lendo

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Organizar a revolta nas ruas contra o aumento!

Apesar do novo ano, as medidas tomadas pela prefeitura de Florianópolis seguem os velhos rumos da política, utilizando do Estado para favorecer grandes empresários. Aproveitando-se do fato de ser um monopólio dos transportes na cidade, o Consórcio Fênix, com o aval do prefeito Gean Loureiro (PMBD), realizou mais um aumento anual da tarifa de ônibus. Continuar lendo

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Nota contra o aumento da tarifa de ônibus em Joinville

2018 mal começou e mais um ataque aos trabalhadores é anunciado.

No dia 1 de janeiro, a passagem de ônibus subiu para 4,30 reais antecipada e 4,65 reais embarcada na cidade de Joinville. Um aumento de 7,5%, muito acima da inflação acumulada no período que foi de 2,5%. A justificativa dos empresários e da prefeitura é sempre a mesma, que o aumento é necessário para cobrir uma planilha de custos do transporte.

Mas na verdade esse aumento expõe o caráter burguês do governo municipal que, para garantir os lucros dos empresários, empurra essa dívida para os trabalhadores pagarem, pois são os que mais usam o transporte coletivo na cidade.

Por isso é necessário retomarmos as ruas, nos organizar como classe trabalhadora, para barrar os ataques do capital.

O Partido Comunista Brasileiro, a Unidade Classista e a União da Juventude Comunista se colocam neste momento e sempre ao lado de todos que lutam por uma sociedade justa e igualitária.

TARIFA ZERO!

ESTATIZAÇÃO!

CONTROLE DOS TRANSPORTES NAS MÃOS DO POVO!

Publicado em Joinville | Deixe um comentário

Revolução, Luta de Classes e Crítica às Teorias Pós-modernas: Os (Des)caminhos da Miséria da Razão no Brasil e na América Latina

formacao-floripa2017Nos dias 02 e 03 de dezembro ocorreu em Florianópolis o curso “Revolução, Luta de Classes e Crítica às Teorias Pós-modernas: Os (Des)caminhos da Miséria da Razão no Brasil e na América Latina” com a camarada Angélica Lovatto. O evento foi organizado pelo Coletivo Feminista Classista Ana Montenegro de Santa Catarina, em conjunto com o Instituto Caio Prado Jr, visando o aprofundamento teórico para o combate aberto às Teorias Pós-Modernas. Continuar lendo

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário

Nota de solidariedade do PCB-SC ao acampamento Marcelino Chiarello

Nota de solidariedade do PCB-SC ao acampamento Marcelino ChiarelloHá mais de um ano e meio, quase 200 famílias sem terra ocuparam uma área pública entre os municípios de Faxinal dos Guedes e Xanxerê, na região oeste de Santa Catarina. A área pertence ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), porém há mais de 30 anos vem sendo explorada ilegalmente por uma das famílias oligarcas do estado, através da empresa Sementes Prezzotto. Continuar lendo

Publicado em Faxinal dos Guedes, Xanxerê | Deixe um comentário

Nota de solidariedade do PCB Santa Catarina aos camaradas da Terra Indígena Morro dos Cavalos

Historicamente no estado de Santa Catarina o ataque contra os povos originários é abordado de forma a tratar assassinos como heróis, tratar massacres como atos de civilização. Na era do capital, a especulação imobiliária, os grandes grileiros de terras e o agronegócio atuam como financiadores do massacre moderno, em conluio com uma classe política voltada a manutenção dos seus privilégios e que servem de bugreiros e capitães do mato na atualidade. O uso da violência, marca registrada das máfias que transformam instituições do estado em espaços para negociatas e conchavos, é escamoteada por uma mídia burguesa que não nega seu caráter de alienação e manipulação ao assistir tantos massacres sem nenhum constrangimento. Continuar lendo

Nota | Publicado em por | Deixe um comentário